sexta-feira, 9 de março de 2012

* "Deus, o eterno refúgio"



por Joanna de Ângelis

Deus é o teu amigo perfeito, acessível, sempre disposto a ouvir-te as queixas e a apresentar-te soluções.
Jamais se cansa, nunca se exaspera.
Se buscado, atende, paciente.
Quando rejeitado pela ignorância ou rebeldia humana, permanece, discreto, aguardando.
Silencioso, fala em todas as expressões da Natureza, manifestando-se de mil modos impossíveis de não serem percebidos.
Sempre indulgente, é refúgio seguro, onde o consolo se expande, tranquilizando aquele que busca albergue.
Está suficientemente perto para tomar conhecimento das tuas necessidades. No entanto, não te constrange, obrigando-te a receber-lhe o auxílio.
Ele te propõe sugestões supremas e conselhos sensíveis, com a claridade da sabedoria que te ilumina interiormente.
Às vezes, te inspira antes dos acontecimentos para que te poupes aos desastrosos e te beneficies com os favoráveis.
Com Deus no coração e na mente agirás com decisão feliz e desempenharás as tuas tarefas com dinamismo elevado.
Ele provê todas as tuas necessidades, mas não as assume, anulando o teu esforço e valor, assim candidatando-te à inutilidade.
Ele te abençoa, quer o busques ou não. Contudo, se te elevas em pensamento, sintonizando com Suas dádivas, assimilarás melhor a irradiação desse supremo amor.
Nada faças sem te apoiares nesse Amigo certo, seguro e paternal, que é Deus.

de
amoremensinar.blogspot.com.br

       

Um comentário: